Filmes

Old Boy – Dias de Vingança

Old Boy é um filme de 2003 de nacionalidade sul-coreana. Baseado no mangá que leva o mesmo nome, foi uma produção que chocou os críticos na época e é, até hoje, um dos filmes que sempre recomendo pra quem ainda não viu. O filme gira em torno de Oh Dae-su que ficou trancado por 15 anos em um quarto de hotel sem entender o porquê e quando sai, está obcecado por vingança.

tumblr_mpmwy37ery1sz7asho1_1280

Oh Dae-su é casado e é sequestrado no aniversário da sua filha de 3 anos. Ele, que já tinha era conhecido da polícia por beber demais, passa a viver dentro de um quarto com apenas uma televisão e alguns cadernos em branco. Um gás é solto dentro do quarto diariamente no mesmo horário para que ele durma.  Em um dado momento, descobre pela TV que sua mulher foi morta e ele é o principal suspeito do crime. Quando ele é solto, a trama fica desesperadoramente empolgante. Muita luta, algumas pessoas no meio do caminho – inclusive uma chef com quem se envolve e muito sangue marcam essa produção que é impressionante!

tumblr_mpmwy37ery1sz7asho4_1280

A vingança é o tema central do filme e a temática é tratada de forma muito crua e perturbadora. Ao descobrir quem está por trás do sequestro, é impossível não ficar com os olhos arregalados e soltar uma expressão forte! Tenho medo de falar de filmes e acabar soltando detalhes que são cruciais pra experiência, então não vou me alongar muito. Só posso garantir que é surpreendente! Quem está menos acostumado com cenas de violência em filmes, pode sentir vontade de cobrir os olhos em algumas cenas bem fortes, mas garanto que vale a pena insistir e ver até o fim.

capas

O filme ganhou uma versão dirigida por Spike Lee em 2013, mas nunca tive interesse em assistir. Recomendo que assistam o original. Old boy é o segundo filme de uma trilogia, mas funciona independentemente. Nunca vi o primeiro (Mr. Vingança) nem o terceiro (Lady Vingança). Se alguém aí não assistiu e for assistir por causa desse post, depois volta pra dividir comigo, combinado?

tumblr_mpmwy37ery1sz7asho6_500

Previous Post Next Post

You Might Also Like

1 Comment

  • Responder Thainná Pereira da Silva Mageski 9 de junho de 2016 at 14:02

    Mônica, obrigada pela dica. Eu e meu esposo assistimos. Fiquei curiosa por esse filme e o convidei pra assistir comigo. Como você mesmo disse no post, “é impossível não ficar com os olhos arregalados e soltar uma expressão forte!” foi o que aconteceu conosco. Continue nos dando dicas como esta. Filme surpreendente. Entrou pra minha lista de preferidos também. Um beijo no seu coração!

  • Responder