Quem sou eu

Sou Mônica Benini, uma designer de joias que flerta com as artes plásticas. Nasci em Garibaldi – RS, tenho 30 anos e sou casada. Depois de rodar o mundo a trabalho e passeio, de absorver pequenas porções de diversas culturas e de entender que o planeta é imenso e que há muito o que se explorar, escolhi São Paulo como base. Aqui busco formas sustentáveis de ser e de viver, pois acredito que recebemos do mundo o reflexo do que lançamos a ele, e é exatamente isso que norteia meus passos.  A arte faz meu coração pulsar mais forte, colore meu dias, está em tudo que vejo e é fundamental para a minha felicidade. Estou sempre em busca de novas manifestações artísticas e esse espaço nasceu de um dos meus objetivos principais de vida: somar dividindo. Se eu puder somar um pouquinho que seja ao mundo de alguém enquanto divido minhas inspirações, tudo terá feito sentido e terá valido a pena.

Depois de alguns anos de estudo, tenho a intenção de aplicar essa bagagem de vida ao meu trabalho como designer e pesquisadora. A joalheria tornou-se uma das minhas mais fortes formas de expressão, o meio pelo qual eu resolvi oferecer pro mundo tudo o que povoa meus pensamentos, o meu sonho de criança…desde quando colocar miçangas num fio de nylon já me fascinava. Me permiti mergulhar na minha própria essência e descobri na joalheria uma forma de celebração à arte e a conexão do ser humano com ele mesmo, e isso impulsionou de forma singular meu primeiro projeto na área, que deve ser lançado em breve.

E já que elegi este espaço pra colecionar tudo o que mais me emociona, compartilho com vocês as palavras mais lindas que alguém já escreveu sobre mim, elas me emocionam sempre que leio e nada mais justo que estivessem aqui:

“Certo dia, Mônica pediu que algumas pessoas próximas respondessem umas perguntinhas para ajudá-la em seu processo criativo para um trabalho importante – como se ela precisasse de ajuda para criar. Quando me perguntou sobre a personalidade e estilo dela aos meus olhos, as conclusões foram fáceis de tirar. Ela flutua muito mais que anda, tem uma leveza rara encantadoramente combinada com a força de uma rocha. Descrevo sua personalidade com um misto de força e leveza, uma brutal delicadeza. Ela, que brinca de não fazer sentido, chega a enganar quem não a conhece, as cores escuras, os tons neutros e a discrição elegante não conseguem disfarçar o florido que sei que tem na sua mente. Mônica é, ao meu ver, irreverentemente básica, de um jeito que jamais – mesmo que se esforce, passará despercebida por onde andar.

Ela chegou a perguntar sobre música em uma das questões, ela tem cara de um reggae talvez, ou jazz levinho de restaurante fino em almoços de domingos, mas eu sei que é no rock que seus ouvidos descansam. No desafio de relacioná-la a cores, elegi verde e marrom, ela tem cara de verde e marrom, tem cara de natureza. Verde, marrom e vinho, me dei o direito de citar três. Mônica é orgânica.

Suas qualidade são várias, seus defeitos também podem ser, mas como eu iria perder meu tempo identificando e analisando os defeitos de uma pessoa que tem qualidades imensas? Dentre as maiores, eu cito o cuidado, o amor que exala sem querer. A autenticidade e o TALENTO de conseguir ser agradável e fazer renúncias por quem ama, sem nunca anular sua vontade, elejo esse lado raro e encantador como qualidade maior – pra não citar os olhos, o contorno impecável do rosto e o traço da boca milimetricamente desenhado por Deus. Não pude passar ilesa à pergunta dos defeitos, arrisquei que fosse a falta de memória ou a falta de noção de espaço que a faz chutar obstáculos, quebrar dedos e derrubar coisas com frequência. Sua cabeça não para, é fábrica de ideias, divaga longe, ela não se dá trégua, acho que elejo esse um defeito também, pode ser bom em suas atividades artísticas que são a engrenagem da sua existência, mas parar também é preciso, minha amiga. Pensei em enquadrar seu perfeccionismo aqui, mas não, ele é parte do seu charme.

No meio das questões, tive que voltar no tempo e resgatar a primeira impressão que tive sobre ela que, hoje, é uma super parceira de vida. Minha impressão foi a melhor possível, uma conterrânea falante, amorosa e forte – sem falar que é uma anfitriã de primeira! Essas foram e são minhas impressões até hoje, mas do nosso primeiro encontro, compartilho minha conclusão quando nos despedimos, fui pra casa tendo a certeza que eu tinha conquistado uma nova amiga.

Precisei viajar no tempo de novo, te imaginar lá na frente… No futuro te vejo de pés descalços com uma horta maior que a sua casa, te imagino com uma filha vestindo flores, o chá gelado numa mesa de madeira (de reflorestamento, claro) na soleira da casa e uns bons amigos em volta dela rindo da vida ao som de algum rock dos anos 70. No fim do questionário, cheguei à conclusão de que quem não conhece Mônica Benini só pode pensar uma única coisa em seus pré-conceitos: essa menina-mulher deve ser gente boa pra caramba! E é.

Amo você, minha amiga.”

Da minha parceira de vida, Hariana.

35 Comentários

  • Responder Bem-vindos! – Mônica Benini 7 de julho de 2015 at 17:55

    […] Quem sou eu […]

    • Responder Eliane 8 de julho de 2015 at 09:22

      Lindo!!!

      • Responder Mônica Benini 9 de julho de 2015 at 18:30

        Obrigaaada! :)))

  • Responder Nathalia 7 de julho de 2015 at 23:33

    ah Monica q legal, sou fã do Junior e se ele escolheu vc c certeza vc é uma pessoa maravilhosa, e tive mais certeza ainda qdo vi q vc é libriana, toda libriana é gente boa hahahaha sou do dia 25 de setembro e vc?Vim dar uma olha dinha rapida aqui pelo cel mesmo mas logo vou ler tuudo, tenho certeza q tudo q vc escrever sera uma inspiracao e eu espero q vc nao abandone essa ideia assim como acontece c mto sites e blogs legais por ai q nos apaixonamos e derepente é abandonado.Enfim sucesso nesse novo projeto.Estarei sempre por aqui!

    • Responder Mônica Benini 9 de julho de 2015 at 18:29

      Oi, libriana! hehehe!
      Eu sou do dia 11 de outubro, pré dia das crianças!
      Eu vou ficar muuuito feliz se levar um pouquinho de inspiração pra vc! E não pretendo abandonar, não…muita coisa pra compartilhar!
      Seja bem vinda!

      Bjinhos!

  • Responder Hanna Katriny de Oliveira 8 de julho de 2015 at 09:39

    Mônica, confesso que não te conhecia até o momento em que você começou a namorar o Junior, do qual sou fã desde pequena. Depois, de ver fotos, entrevistas de vocês dois juntos, vi uma sintonia linda e uma harmonia de um amor tão lindo e puro. Você tem uma humildade, uma simpatia que transborda. Te desejo de coração que esse novo projeto de sua vida te dê muitas alegrias e que o casamento seja sua fortaleza. Grande beijo de sua admiradora Hanna.

  • Responder Rafaela 8 de julho de 2015 at 12:26

    Encantador esse texto..

  • Responder Amanda Sartori 8 de julho de 2015 at 13:27

    Nunca te vi pessoalmente, comecei a te acompanhar quando se iniciou seu namoro com o Junior (que sou fã desde que me entendo por gente), e posso dizer: ‘É uma honra fazer parte do número de pessoas que te seguem no Instagram”. Tenho que te dizer: “Suas fotos são maravilhosas, transmitem realmente o que você é”. Concordo totalmente com sua amiga Hariana, quem não te conhece só pode pensar que você é gente boa demais!!! Muito feliz de ter mais esse espaço pra te acompanhar. Beijo grande, SEJA FELIZ SEMPRE!!!!!!!!!!!!

  • Responder Renata Costa 8 de julho de 2015 at 19:05

    Monica,

    Confesso que sempre fui fã de Sandy e Jr. Porém, te descobri através da Hariana.
    E confesso ainda mais, me apaixonei por essa doçura no olhar, por suas fotos lindas….por essa sua forma simples e clara, de olhar pra vida por outro prisma.
    Como já lhe disse uma vez no Insta, Vc transmite amor, Monica !!
    Seu cantinho aqui está lindo….portanto, muita sorte e muito amor a ele, que outras pessoas curtam tanto quanto eu curti.
    Bjoss mil

  • Responder Bruna Zocoler 10 de julho de 2015 at 00:09

    Muita lindeza!

  • Responder Tainá Lage 10 de julho de 2015 at 12:01

    Mônica,
    Já te sigo a algum tempo no Insta. Amo suas fotos, sua autenticidade e mais ainda a sua criatividade. Uma das fotos q mais me chamaram a atenção, foi a q fez no Natal de 2014, onde vc retratou os presentes q foram confeccionados por vc. Estavam embrulhados num lindo papel d presente… E até hj penso o q teria dentro daqueles embrulhos…hahahaaa
    Parabéns e boa sorte no novo projeto!

  • Responder Leandro Roberto 11 de julho de 2015 at 19:04

    Nossa que bonito!
    Texto incrível, inteligente e milimetricamente cuidadoso e biográfico.
    Se a 1ª impressão é a que fica, pode ter certeza que ficou então a melhor. Não só aqui no seu blog, como no Super Star e no Encontro, quando nos encontramos e pudemos trocar rápidas palavras.
    Seu talento e sua arte me encantam.

    Muita luz e sabedoria pra que seu brilho emane por vários horizontes. Sucesso!
    Bjo no casal!!

  • Responder Thaisy Perez 12 de julho de 2015 at 14:39

    Olá Mônica!
    Finalmente separarei um tempinho para vir conhecer seu espaço.

    Já foi amor a primeira vista.

    Obrigada por no meio de tantos sites de cultura fútil, desenvolver algo tão sensível e rico em cultura e paixão.

    Estarei sempre por aqui.

    Beijo grande.

    Thay

  • Responder Lídia Paiva 20 de julho de 2015 at 09:24

    O texto é maravilhoso.

  • Responder Maísa Almeida 22 de julho de 2015 at 17:02

    Existem pessoas e existem pessoas que inspiram. Vc me inspirou… Obrigada!!!
    Muita luz e mtas bençãos de Deus no seu caminho!

  • Responder gaia pieta 16 de agosto de 2015 at 21:32

    Lindo texto Monica!Conheco essa guria desde pequena.Voce sempre foi assim,fofa ,doce,linda e delicada!Desejo muito amor e muita paz!

    • Responder Mônica Benini 2 de setembro de 2015 at 20:26

      GAIAAA!
      Que linda! Obrigada! Me deixou com um sorrisão…
      Fiquei feliz de saber q vc me visita por aqui!

      SAUDADE!

      Bjinhos!

  • Responder Caroline Matos 2 de setembro de 2015 at 10:14

    Que lindo, me identifiquei muito, e me inspirei também! Sabe quando você procura a palavra certa para expressar algo? Encontrei: “Somar dividindo”, penso assim também! Fico muito feliz que o Jú encontrou uma mulher como você, já até te abracei em sonho rsrs (desejando muitas felicidades a vocês) e creio que os encontrei por lá, espero um dia pessoalmente encontra-los e poder te dar esse abraço. Beijos; Deus te abençoe muito muito!

  • Responder CLAODETE RICARDI 10 de setembro de 2015 at 20:01

    MONICA!!

    Apenas hoje dediquei um tempo para olhar cuidadosamente teu site, que por sinal está muito bom. Sua amiga descreveu muito bem você. Te conheço desde sempre e torço para que seja feliz onde escolher estar! Parabéns por este belo trabalho que tem “tua cara”. Que Deus te ilumine sempre! Bjs

  • Responder Eloisa Sales 22 de setembro de 2015 at 19:52

    Mônicaaaaaa

    Parabéns,amei tudo e desejo todo sucesso do mundo!
    E sabe,você tem uma aura linda…

    Ps: Muitos ass porque achei tudo tão lindo,que deu vontade de gritar…

    Um mega beijo

    • Responder Mônica Benini 5 de outubro de 2015 at 22:14

      Heheheheh! Obrigaaaada pelo seu comentário lindo tb! <3

  • Responder Tais Gigante 5 de novembro de 2015 at 14:33

    Oi! Vi seus textos, suas fotos, tudo tão de coração… amei ”conhecer” alguém que é tão cheia de cor, de alegria, que fala e ver o mundo de uma forma encantadora! Passei aqui apenas para dizer isso, precisava saber que você soubesse hahahaa estou acompanhando você aqui e no insta *-* ah, uma curiosidade, você tem o mesmo nome da minha mãe! duas pessoas lindas com um nome assim.. shauhsuahausahushau

  • Responder Karen Afonso 14 de janeiro de 2016 at 14:31

    Olá Mônica,

    Seu site é perfeito para os adoradores da arte… Primeira vez que abri já fui até o primeiro post, Realmente instigante, nos faz querer ler todo dia uma coisa nova. Será que poderia aumentar um pouquinho a letra, achei pequena para ler no computador.
    Parabéns pelo trabalho.

    Beijos

  • Responder Daniela 2 de março de 2016 at 17:32

    Olá,

    Hoje visitei pela primeira vez sua pagina e estou completamente apaixonada!!
    Amo viajar,amo fotografia e também sou libriana!rs
    Continue nos mostrando o que existe de mais belo através do seu olhar!Parabéns!

  • Responder Andressa Cristina Leão Thiago 3 de abril de 2016 at 22:48

    Olá Mônica, sou gaúcha também e sou muito fã do Junior desde o tempo da dupla com a Sandy. Faço aniversário dia 11/04 junto com ele kkk. Mande os parabéns a ele por mim e muito sucesso para vocês dois. Adoraria conhecê-los pessoalmente,mas sei que é meio complicado kk, mas se retornarem minha mensagem já ficaria muito feliz.Beijos e muito sucesso,saúde e amor para vocês.

  • Responder Barbara 29 de maio de 2016 at 18:55

    Amei o texto e as definições! Não a conheço, mas só em saber do seu apreço e gratidão com o universo em que vimemos, já me deixa serena em saber que de um em um tornaremos o mundo melhor.
    Sucesso!

  • Responder MARI CISTI 20 de julho de 2016 at 11:44

    Olá Mõnica, acompanho seu blog desde sempre e por incrivel que pareça, nunca deixei um comentário se quer nas suas publicações (que falta de consideração, neh?!)

    Hoje meu deu um “tuim” e resolvi ler essa par te de quem você é.
    Confesso que acabei de ler e meus olhos se enxeram de lágrimas, mas não sei te responder o porque. Acho que hoje é o dia do amigo e vejo essa lindeza de texto que sua amiga te descreve, é pra se emocionar e se sentir privilegiada por termos pessoas assim ao nosso lado.

    Beijos e Sucesso

  • Responder Tulio Bueno 27 de agosto de 2016 at 19:35

    Chorei horres!

    Quanta coisa bonita a sua amiga falou sobre você.
    E quanta coisa maravilhosa você falou sobre o mundo.

    Daí relendo isso que você disse…

    “Se eu puder somar um pouquinho que seja ao mundo de alguém enquanto divido minhas inspirações, tudo terá feito sentido e terá valido a pena.”

    ..fez tudo na vida ter muito sentido. <3 Amei

    • Responder Monica Benini 5 de fevereiro de 2017 at 10:24

      Tulio!
      Que lindo saber que vc se emocionou, assim como eu!
      Obrigada pela sensibilidade e pela visita! Volte sempre!

  • Responder Ana Carolina Amaral 13 de setembro de 2016 at 16:40

    Estou adorando seu site, e também me emocionei com as palavras de sua amiga.
    Parabéns por tudo!
    beijos e sucesso!

    • Responder Monica Benini 5 de fevereiro de 2017 at 10:23

      Obrigada, Ana Carolina! Apareca sempre!

  • Responder Hosting 8 de novembro de 2016 at 04:14

    Durante minha formacao profissional precisei sacrificar um pouco do lazer e da vaidade para pagar o curso de Jornalismo, pois Letras eu cursei em uma universidade publica. Todo esforco foi valido. Hoje, sigo buscando ser uma profissional melhor e continuo me capacitando. Nao sou uma pessoa perfeita, mas estou todo o tempo buscando melhorar. Afinal, sabemos que o amadurecimento vem com o tempo e com as experiencias, e eu sempre busco aprender com as minhas.

    • Responder Monica Benini 5 de fevereiro de 2017 at 10:02

      E isso é lindo… PARABÉNS pela determinação e keep going! 😉

  • Responder Emmy Masutani 4 de fevereiro de 2017 at 13:09

    Que linda descrição, Monica !!!
    Engraçado como você consegue traduzir tudo isso – quem você é,como é – através das suas fotografias (sou fã do seu instagram lindão, livre, leve e solto =D ).
    Em um mundo de – falsas- aparências, onde cada um tenta mostrar o que não tem e quem não é, o seu olhar real para a vida e para as coisas mais simples chamam a atenção. Originalidade e essência.
    Estou aqui pronta, já com os meus óculos escuros, para ver sua luz brilhar cada vez mais forte. =D
    Beijinhos!

    • Responder Monica Benini 5 de fevereiro de 2017 at 10:00

      Sua coisinha mais linda! OBRIGADA! Pela sua sensibilidade tb, fico feliz q vc me “enxergue” por detrás das fotos e dos caracteres. Bjão

    Responder