Tags de navegação

basquiat

Grafite

A loucura genial de Jean-Michel Basquiat

Jean-Michel Basquiat começou a se popularizar como grafiteiro e tornou-se referência neo-expressionista depois. Nasceu e morreu em NYC, mais um grande nome da arte que só viveu até os seus 27 anos, em 1988 foi encontrado morto em seu estúdio. Apesar do pouco tempo de vida e de carreira, até hoje a arte de Basquiat inspira novos artistas, ele é uma grande referência e suas obras são leiloadas até hoje por valores bem expressivos.

JMB01

Aos 17 anos começou a grafitar pelas ruas de Nova Iorque com um amigo, Al Diaz. Eles costumavam assinar “SAMO” ou “SAMO Shit”, isso gerou uma grande curiosidade nas pessoas sobre seus autores. Um rebelde, abandonou a escola e saiu de casa aos 18 anos, sobrevivia da venda de algumas camisetas e postais na rua.

JMB08

Em 1980, começou a ganhar notoriedade depois de participar da exposição intitulada “The Times Square Show” que unia obra de vários artistas, dois anos depois já era conhecido dos principais curadores de galerias de NY, já era parceiro de trabalho e amigo de Andy Warhol e namorava a Madonna, que na época ainda não tinha estourado como fenômeno pop.

JMB03
JMB02

Em 1984 já era viciado em heroína, droga que acabou  o matando precocemente quatro anos mais tarde e em 1985 foi capa do New York Times. A obra de Basquiat é muito imitada até hoje, serviu de inspiração pra muitos artistas modernos e, apesar de parecer lúdica pelo excesso de cores e formas, é uma arte de crítica polítca. A coroa tornou-se uma espécie de assinatura e elemento-chave de identificação de suas obras, é seu maior símbolo.

JMB10 JMB09 JMB11

JMB06JMB05JMB07

Sexta edução da série Essential Artist da 1800º homenageou Basquiat

Sexta edição da série Essential Artist da 1800º homenageou Basquiat

Coleção da Reebok inspirada em Basquiat

Coleção da Reebok inspirada em Basquiat

Se alguém tiver interesse sobre a vida dele, existem dois filmes que podem ajudar. O Downtown 81, documentário de 1981 e o filme Basquiat de 1996 que conta a história da vida do artista. Vale a pena! 😉