Tags de navegação

loja

M. B., Moda

ENJOEI: o bazar de amigas ampliou os horizontes

Quando fiz 30 anos, parece que uma chavinha mudou na minha cabeça e senti uma séria de mudanças internas que impactaram muito a forma com que eu me enxergo. Passei por alguns processos de mudança e um deles foi fazer uma limpa no armário. Depois que eu decidi o que eu ia querer manter, doei boa parte do que restou e algumas peças eu separei pra ver se amigas queriam… Peças que deram um trabalhinho extra pra eu desapegar.

facebook

Como já falei em outros posts e a maioria das pessoas que me segue aqui já sabe, eu sempre estou buscando formas de praticar um consumo mais consciente, de ir contra o consumismo desenfreado. O Enjoei tem essa filosofia também e é por isso que quando essa oportunidade de parceria surgiu, eu nem hesitei! Gosto muito do trabalho deles, existe um capricho e um cuidado muito grande com o que vendem na plataforma e isso dá uma segurança pra quem compra e ajuda a quebrar alguns paradigmas. Quem disse que é feio comprar roupa usada? Quem disse que não tem glamour em usar peças de segunda mão? Chique mesmo é gastar o dinheiro de forma consciente e reaproveitar peças, evitando assim que elas sejam parte de uma das milhares e gigantescas pilhas de lixo que estamos produzindo por causa da nossa obsessão em estar sempre comprando algo novo.

347A98322

O Enjoei apareceu pra profissionalizar uma coisa que sempre fiz: bazar entre amigas. Agora não existe mais o limite da amizade e qualquer pessoa pode comprar e vender suas roupas que, por algum motivo, não são mais bem-vindas no armário. Espero que vocês gostem do que eu separei por lá… É só clicar aqui pra conferir tudo que está na minha lojinha.

Beijos, 🙂