Tags de navegação

maias

M.B. pelo mundo

Sobre o México e as maravilhas do mundo

Lembram que nesse post falei que voltaria a abordar o México aqui  no blog, né? Pertinho de Tulum, existe uma cidade arqueológica Maia que foi fundada entre 433 a.C. e 455 a.C. chamada Chichén-Itzá. Seu nome, de origem maia, quer dizer “pessoas que vivem na beira da água”. Em 1988 foi declarada Patrimônio Mundial da Unesco. Chichén-Itzá tem várias estruturas arquitetônicas cheias de história e de precisão matemática, como se espera de obras de origem maia. Esse ano tive a oportunidade de ver de perto e foi uma experiência incrível!

Templo dos Guerreiros e Grupo das Mil Colunas, a gente fica até pequeno...

Templo dos Guerreiros e Grupo das Mil Colunas, a gente fica até pequeno…

Dentre as várias estruturas, está a pirâmide de Kukulkán que foi nomeada recentemente uma das novas sete maravilhas do mundo. são 4 escadarias de 365 degraus cada que levam ao topo, onde encontra-se o templo. A pirâmide tem 9 pavimentos e foi construída com base no calendário agrícola solar, proporcionando  diferentes fenômenos de luz e sombra nos solstícios e equinócios. A acústica é outra coisa impressionante da construção e cada uma das pontas da pirâmide está alinhada a cada um dos 4 pontos cardeais.

IMG_3036

Aproveitando o gancho, acho que vale falar pra quem ainda não sabe. As sete maravilhas do mundo (Jardins suspensos da Babilónia, Pirâmide de Gizé, Estátua de Zeus, Templo de Ártemis, Mausoléu de Halicarnasso, Colosso de Rodes, Farol de Alexandria) já são conhecidas da maioria, mas vocês sabem quais são as 7 novas maravilhas do mundo que foram definidas em 2007? Já faz um tempo, mas a gente sempre acaba associando o título às 7 primeiras, né? Além da pirâmide de Kukulkán, as “novas” são:

Quantas vidas será que a gente tem que viver (e trabalhar) pra conseguir ver tudo de lindo que esse mundão tem pra os mostrar?